Growth Hacking: o que é e como aplicar em sua empresa

O Growth Hacking é mais um conjunto de medidas que podem ser tomadas para sua empresa crescer rapidamente

growth-hacking-o-que-e

Growth Hacking pode parecer um nome complicado, mas, na verdade, seu significado é bem simples. Ele é definido como a aplicação de conceitos de marketing e engenharia para alavancar uma empresa, de maneira mais agressiva e, muitas vezes, inusitada.

O que é Growth Hacking?

O termo surgiu no Vale do Silício, na Califórnia, lar das maiores startups do mundo. Ele foi cunhado para tentar explicar o rápido crescimento que essas empresas obtiveram e como outros negócios poderiam replicar essas lições. A própria dinâmica desse ecossistema de startups, baseados em tecnologia, comunicação e hype, permitiu esse tipo de crescimento rápido e o desenvolvimento dessas técnicas.

Como funciona o Growth Hacking

O Growth Hacking é mais um conjunto de medidas que podem ser tomadas para sua empresa crescer rapidamente. Um dos primeiros passos para que ele funcione é, internamente, garantir a integração das diversas áreas. Como essa técnica envolve um bom trabalho de comunicação externa, quanto mais os colaboradores conhecerem o produto ou empresa, mais capacitados estarão para fornecer insights.

Um outro momento fundamental do Growth Hacking é analisar minuciosamente sua concorrência para entender seus acertos, seus erros e, principalmente, como a sua empresa poderá crescer em cima deles. O Growth Hacking precisa de estratégias mais agressivas, mas, ainda assim, éticas para fixar a marca na cabeça dos seus potenciais clientes.

Alcançar novos clientes é a principal maneira de aumentar o crescimento da sua marca. Ao não engajar clientes, as estratégias de crescimento rápido não darão certo. Por isso, estudar muito bem quem é o seu público-alvo e como se comunicar com ele é fundamental para construir uma estratégia de Growth Hacking.

E por falar em estratégia, nenhum planejamento de crescimento poderá ser considerado Growth Hacker caso não esteja muito bem embasado por números e métricas dos negócios. Afinal, o Growth Hacking precisa ser fundamentado em um caminho bem definido, por metas e análises, e não somente na intuição das equipes de marketing.

Aposta em estratégias de crescimento de seu negócio? Comente e compartilhe as suas experiências e dicas.


Comente o que achou