Você sabe o que é host? Entenda com o funciona um serviço de hospedagem

Entenda o que é host de maneira prática e rápida e aprenda a encontrar a melhor forma para ter um site sempre no ar com segurança.

Entenda o que é host de maneira prática e rápida e aprenda a encontrar a melhor forma para ter um site sempre no ar com segurança

Você pode não se dar conta porque trata-se de um processo bem simples de nosso dia a dia. Porém, a ação de acessar a qualquer site na Internet requer que ele esteja armazenado em um host. Afinal, toda informação, imagem, jogos, filmes e tantas outras opções que podem ser achadas na rede mundial de computadores precisam estar guardadas em algum lugar.

E como esse processo acontece? Tudo começa com o host. E entender o que isto significa e como funcionam os serviços de hospedagem é um ótimo começo para pensar em ter o seu site.

Tudo guardado

Host pode ser definido como qualquer máquina ou computador que esteja conectado a uma rede e que tem um endereço IP (do inglês Internet Protocol). O Endereço IP é o número que identifica o site na internet, semelhante ao número do telefone que identifica a linha na rede telefônica. Para facilitar o acesso ao site, esse número é associado a um nome. Os hosts são os equipamentos responsáveis por guardar tudo que está em seu site

Outro fator importante é se preocupar com a redundância. Um bom serviço de hospedagem deve garantir que, se algum problema ocorrer em um dos servidores, outro assumirá imediatamente sua função. Afinal, ninguém quer ficar na mão, com o site fora do ar, não é mesmo?

Esta máquina central tem que estar conectada à internet sem interrupções. Ou seja: não pode parar nunca! Para ficar seguro de que suas informações nunca se perderão ou mesmo não poderão ser acessadas em algum momento, o mais indicado é trabalhar com serviços de que tenham garantias de que seus dados e tudo o que estará armazenado não se perderá. Por isso, procure também realizar o backup dos arquivos do seu site.

Como funciona o serviço de hospedagem

Aquele processo praticamente automático de acessar a algum site, citado logo no começo deste texto, requer alguns procedimentos. Assim, quando você digita um endereço de site em seu navegador, imediatamente, uma conexão com o servidor em que ele está hospedado começa.

Quando isso acontece, uma requisição de busca dos dados armazenados é enviada a ao servidor. Dessa forma, acontece uma conversão de “nome do site” para o endereço IP e tudo aparece em sua tela. Por trás de todo esse processo está o DNS (do inglês para Sistema de Nomes de Domínios). Ele é responsável por essa conversão (de “nome do site” em “IP”).

Tipos de hospedagem

Escolher o tipo de hospedagem adequado para o seu site é um dos primeiros passos para evitar problemas futuros. É tão importante quanto saber o que é host. Para escolher é preciso saber quanto seu site precisará de recursos, qual o nível de redundância oferecido e a configuração que deverá ser feita, de acordo com suas necessidades.

Cloud Server

Parte de um servidor dedicado (explicado no próximo item) o Cloud Server (Servidor em Nuvem) usa uma estrutura de clusters (um ou mais computadores que trabalham juntos). Por atuar desta forma, a garantia de redundância é certa!

Hospedagem compartilhada

Neste modelo diversos sites compartilham a disponibilidade dos mesmos servidores. Requer baixo investimento, mas pode trazer problemas se, em dado momento, seu site precisar de mais espaço ou rapidez de resposta.

Servidor dedicado

É indicado para grandes operações. No entanto, os gastos são maiores, pois, é necessário ter uma equipe técnica, disponível para acertar qualquer problema. Além disso, diferentes recursos estão na mesma máquina.
Gostou de nosso artigo? Comente


Comente o que achou