5 fatores que podem deixar seu site lento e como evitá-los

Site lento é uma razão para reduzir o número de acessos. Veja o que causa esse problema e aprenda como corrigi-lo para atrair mais visitantes.

Site lento é uma razão para reduzir o número de acessos. Veja o que causa esse problema e aprenda como corrigi-lo para atrair mais visitantes.

O site de sua empresa está no ar. Bem estruturado, apresenta tudo o que seus clientes precisam conhecer sobre produtos e serviços, bem como, formas de contato, endereços e tudo para não os deixar desamparados. Mas há um pequeno problema: demora para abrir páginas. Site lento é um dos principais motivos que fazem as pessoas buscarem outra fonte de informação.

Afinal, dez segundos em frente ao computador, tablet ou smartphone, representam uma eternidade. Conheça cinco motivos que podem estar atrapalhando o deslanchar de seus negócios por meio de seu site e como resolvê-los.

1) Imagens muito pesadas

Segundo o pensador Confúcio, “uma imagem vale mais que mil palavras”. Quando proferiu o pensamento, há milhares de anos, o filósofo parecia prever o mundo da internet. As imagens são aliadas ao conteúdo e são indexadas pelos buscadores – o que ajuda em práticas de SEO (do inglês Search Engine Optimization, ou seja, ajuda o motor de buscas).

O problema é que se estas imagens forem muito grandes ou pesadas, o processo para carregá-las rapidamente, permitindo o acesso também rápido do site, fica comprometido. Mas não se desespere: um simples editor gratuito pode melhorar e muito as condições destas imagens.

A internet é um campo mágico para as imagens, já que, salvo exceções, não há a necessidade de estarem em uma resolução muito alta. Ou seja, veja qual a configuração ideal para que a imagem não fique sem nitidez e use este tamanho, em formato .jpg, um dos mais leves.

2) Uso correto de scripts

Script é um conjunto de ordens e comandos usado para que determinada função seja executada corretamente em um site ou aplicativo. Logo, a cada acesso ao site de sua empresa, milhares de scripts enviam os comandos para que tudo carregue e apareça corretamente.

No entanto, é importante ficar atento para a forma que estes foram escritos e em que locais estão armazenados. Quando estão dispostos em muitos arquivos diferentes, demandam que para cada item ser aberto, a informação saia de um lugar diferente.

O ideal para resolver este problema é manter todos os scripts em um único arquivo. Desta forma, assim que alguém digitar o endereço do site, as informações são localizadas dentro deste arquivo e aparecem rapidamente.

3) Hospedagem

Caso o servidor que hospeda o site de sua empresa demora para responder, não garante redundância (quando cai, outro não assume a função de carregar o conteúdo) e ainda ofereça pouca segurança, desista dele e procure um outro provedor de serviços. E, primeiramente, veja na Internet ferramentas que possam medir a velocidade deste site.

Algumas oferecem gratuitamente informações para saber se a hospedagem não está atrapalhando ao invés de ajudar, como pontos de roteamento (distribuição), tempo que demora para acessar determinada informação, direcionamentos entre outros. Quando a hospedagem é ruim o site fica lento, comprometendo a eficiência de um simples carregamento.

4) Má otimização de códigos

A não otimização ou mesmo a otimização incorreta de códigos também são grandes vilões no tempo de carregamento de um site. Com chamadas incorretas e códigos desnecessários ou inválidos, os comandos que funcionariam a favor de um site o derrubam rapidamente, pois procuram a informação não a encontram.

Procure ajuda de seu provedor de hospedagem ou mesmo de um bom programador que possa avaliar esta otimização e arrume a tudo!

5) Cuidado com a publicidade excessiva

A maioria dos sites, portais e blogs contam com publicidade. Inclusive, este pode até ser um fator de lucro para a operação. No entanto, se o site estiver repleto de propaganda, além de não ser atrativo a quem o acessa, a demanda por scripts para carregá-las é dobrada.

Site lento e ainda com muitos anúncios, além de garantir a falta de paciência de quem precisa da informação, provocam uma espécie de cegueira: é tanto informação que algumas são simplesmente ignoradas pela audiência. Este conselho, serve também para a disposição de conteúdo. Portanto, cuidado com os excessos.

Gostou deste artigo? Comente!


Comente o que achou